Grandes Momentos das Histórias em Quadrinhos #08

WOLVERINE CHORA

No começo dos anos 80, os X-Men já eram uma marca consolidada, John Byrne não trabalhava mais no título, em seu lugar estava Paul Smith, um ótimo desenhista que talvez nunca tenha recebido o devido valor pelo seu trabalho com os mutantes. Chris Claremont ainda era o argumentista (cargo que ocupou ininterruptamente até o começo dos anos 90), e embora pudesse-se pensar que Claremont não poderia mais nos surpreender, eis que mais uma vez ele nos dá um soco no estômago.

Na época, Wolverine estava se tornando um personagem popular, com seu comportamento agressivo e seu senso de justiça, até então, ímpar no universo Marvel, o baixinho já dava sinais de que era uma nova galinha dos ovos de ouro da editora. Claremont, que criou toda a personalidade do personagem, até então nos havia mostrado Logan como um homem solitário, frio, violento e ainda assim um bom companheiro. A edição 173 de Uncanny X-Men nos mostra o fim da aventura de Wolverine no Japão, ao lado de Vampira, no que iria culminar em seu casamento com Mariko Yashida. Após uma luta feroz com o Samurai de Prata (que Claremont, com maestria, conseguiu transformar de um mero coadjuvante das histórias do Demolidor para um personagem de grande potencial), que acaba com a intervenção de Mariko Yashida e Vampira no hospital, a cerimônia de casamento tem início e inadvertidamente, quando estão prestes a trocar seus votos, Mariko diz que não quer continuar com a cerimônia, alegando que Logan não é digno o bastante e praticamente o chama de animal, humilhando-o na frente de seus amigos e familiares. Então Logan se afasta e dá as costas ao altar, e em um único quadro conseguimos ver uma solitária lágrima escorrendo pelo rosto de Wolverine, com uma expressão que mistura raiva, dor e tristeza. Tudo não passou de uma obra do maligno Mestre Mental.

Isso ocorreu em Uncanny X-Men #173 (no Brasil, X-Men 1ª série Editora Abril #01)

wolverine chora

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


This blog is kept spam free by WP-SpamFree.