Grandes Nomes das Histórias em Quadrinhos #15 – Bill Sienkiewicz

elektra black white

Quem diria que aquele garoto que começou a carreira emulando o traço de Neal Adams (de forma excelente, devemos dizer) em Cavaleiro da Lua (Moon Knight) se tornaria um dos maiores artistas dos quadrinhos atualmente? A visão única de Bill, que contém elementos de cartum, arte comercial e fina arte conseguiu abrir uma Caixa de Pandora no mundo dos quadrinhos. Sienkiewicz começou mostrando seu talento e sensibilidade muito cedo, fazendo lindas capas para os títulos Moon Knight e Dazzler (Cristal). Mas foi quando trabalhou em New Mutants (Novos Mutantes) que ele começou a se diferenciar, utilizando uma técnica própria para expressar as angústias psicológicas e emocionais das histórias.

Ele também soube ‘brincar’ com proporções de forma surreal, como o tamanho do Rei do Crime em relação a sua esposa, Vanessa, mas ainda assim revelando modos de expressão. Desta forma ele acabou melhorando os elementos de uma história de uma forma nunca antes vista. Infelizmente, ele também foi responsável, indiretamente, por criar uma legião de artistas que passaram a desenhar personagens com corpos gigantescos e cabeças do tamanho de um amendoim, que não tem a menor ideia de porquê os trabalham de Bill Sienkiewicz funcionam tão bem e o deles não.

Trabalhos Notáveis: New Mutants #18-24; Elektra: Assassina; Demolidor: Amor e Guerra

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

One thought on “Grandes Nomes das Histórias em Quadrinhos #15 – Bill Sienkiewicz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


This blog is kept spam free by WP-SpamFree.