Histórias Ruins

Então fui eu ler o Gran Finale de Ultimates volume 3. “Gran finale”…

Grande ME*DA, isso sim! Como é que o Jeph Loeb consegue ganhar dinheiro? Pelo amor de Deus, MEU CACHORRO escreve melhor que ele. Aconselho quem ainda não leu Ultimates v3 #5 que pare de ler aqui,
porque tem muita coisa que acontece na história e pode ser que deixe de surpresa pra alguém. Pois é, eu poderia ter usado a palavra SPOILERS, né? Mas não, “SPOILER” significa arruinar um acontecimento
admirável da HQ. Não é o caso. Não tem NADA agradável na história do Loeb. Claro, a revista em si tem um ponto MUITO positivo: a maravilhosa arte! MARAVILHOSA! (Se alguém ainda não entendeu, “maravilhosa” por causa do nome da editora, capicce?… Oh, well…).
Bom, a arte pode ser um atenuante pruma historinha de me*da como essa, mas mesmo assim não vale os US$2,99 da capa (quase R$ 10 aqui no Brasil, ta louco, vai ser imbecil pra pagar por uma história ruim
dessas na casa do carvalho). Bom, adelante, aos “SPOILERS”:
O que acontece na história:

– O Loeb não sabe (nem sonha) como se escrever uma historia usando o personagem Thor;
– O Loeb não sabe (nem sonha) como se escrever uma historia usando o personagem Wolverine;
– O Loeb não sabe (nem sonha) como se escrever uma historia usando o personagem Pantera Negra;
– Não tem a menor noção de desenrolar de trama;
– Não saberia JAMAIS manter a atenção do leitor se não trabalhasse com personagens sem tanto apelo como o do eixo Marvel/DC;
– Não explica me*da nenhuma de suas “tramas” entrelaçadas (que cá pra nós não é de se espantar, dada a limitada “criatividade” desse escritor); e
– Não cumpre a função principal de uma boa HQ: entreter!

Po**a, por que diabos bons escritores são tão raros hoje em dia? Não é possível, o Loeb esse deve ter um pacto com o diabo, pra continuar ganhando dinheiro mesmo só fazendo bo*ta! Se vocês puderem EVITAR o
material do Loeb, aconselho fortemente que o façam. Estarão economizando três coisas:
1) Dinheiro;
2) Tempo;
3) Sinapses cerebrais e acreditando que gibi é coisa pra crianças…
Sim, porque você acaba de ler a revista e fica pensando, “mas que coisa terrível, como podem ter publicado isso? Será que eu sou inteligente demais pra esse tipo de publicação?”.

O que me traz ao cerne da questão: por que há tantas histórias ruins no mercado de HQs?? Porque os fanáticos (diferente dos fãs, os fanáticos são descerberados que engolem qualquer bo*ta que as editoras mandam pra eles. Se você é assim, não se preocupe: eu também já fui um, e graças a Deus, evoluí) não reclamam de nada que empurram goela abaixo pra eles. Sabe como uma empresa melhora sua situação? Fazendo boas escolhas. E como Se adquire boas escolhas? Com experiência. E como se adquire expreiência? Fazendo MÁS ESCOLHAS. Agora, se não tem ninguém pra dizer que a coisa está indo pro lado errado, vc sempre vai achar que fez BOAS ESCOLHAS. E aí, prezado descerberado, a culpa das grandes editoras de histórias em quadrinhos insistirem em histórias ruins é SUA!

Mas, fiel leitor das boas histórias, não pense que sou um velho reclamção: a edição também teve um ponto favor. Um único ponto a favor… ver o Wolverine brigando contra o Doomsday (Apocalypse, da Morte do Superman). Oops, o que foi? Me esqueci de colocar SPOILER? Desculpe-me, é que SPOILER é pra uma coisa boa…

E tenho dito!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

7 thoughts on “Histórias Ruins

  1. Sobre o texto,
    O problema é que a maioria dos leitores são como a maioria das pessoas… só porque lemos quadrinhos temos uma “noção” de que somos um pouco mais qualificados, que sabemos diferenciar o bom do ruim, e que temos um pouco mais de discernimento… mas a realidade é que nós(os leitores de HQs em geral)somos iguais aos milhões que vêem novelas diariamente, que riem das piadas sem graça do Casseta e Planeta e acham que o próprio time de futebol sempre é melhor que o do adversários. A grande maioria dos leitores não sabe nem o que está lendo, não sabe escrever e não sabe interpretar textos… é a dura realidade. Então quando colocam um Jeph Loeb escrevendo cenas “fantásticas” de ação e lutas gigantescas e assassinos “misteriosos” todos compram, e gostam.. e sabem por que gostam?

    Porque não entendem…

  2. Vi que o nosso link já está aqui. em breve o seu link estará no nitroglicerina. O Barker Scans ainda está funcionando?

    Um abraço!

  3. Acompanhava “Os Supremos”. Quando fiquei sabendo que seria o Loeb iria escrever … A certeza é uma só: Merd#.
    Tudo bem que a arte é legal, apesar de não ser das minhas favoritas. Mas deixou os “Os Supremos” no lugar comum, médio, tão evidenciado de um escritor medíocre quanto o Loeb.

  4. Há, ganhei 30 pratas apostando com um otário que Jegue Loeg faria $%$#@ com os Supremos. Na verdade, eu contava mais que a arte do Madureira estragasse o estilo realista do Hitch e o título, mas as histórias que li foram tão ruins (só consegui chegar até o 2) que o madureira até se salva…

  5. As implicaçoes são as diversas:
    1. quem acompanha os “gibis” da epoca da ebal ou mesmo a abril, acompanhou uma
    saga até então não repetida. Uma saga feita por marvetes, dcmaniacos, … que dispunham
    da tecnologia carta, para manifestarem-se, criarem agremiaçoes, clubes, fã clubes,…
    Eramos muitos, porém solitários…lembro-me que em Taguatinga (cidade satélite de Brasília)
    seu Zé (o dono da banca) tinha-me como um dos poucos consumidores das revistas do conan,
    herois da tv, homem aranha,…
    Além do que, na época existiam as series de tv (hoje, para os mais jovens, a maio páia) na época esperadas
    anciosamente: homem-aranha, hulk, namor, homem de ferro, capitão america ( desenhos agora disponiveis no you tube!)
    e filmes como: homem-aranha, hulk, capitão américa…
    Embora seja um nostalgico, não me considero um antiquado. Jack Kirby ainda vive! ele e tantos outros são
    culpados de nos “maravilharmos”.
    Bem, depois eu escrevo lembrando algurmas histórias inesquecíveis: como a da gwen stacy!
    por hora quero dizer que é possível ver no you tube o mestre john buscema em ação, isso mesmo! o cara desenhado.
    veleu
    vilmar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


This blog is kept spam free by WP-SpamFree.